comparar


múltiplos possíveis
com


Antonio Giovinazzi

Antonio Giovinazzi

personalia

Italian
14 December 1993 (28)
Bob Drake (14 December 1919)

estatísticas

0 (0%)
0 (0%)
0 (0%)
0 (0%)
5th (2019 Brazilian Grand Prix)
7th
4
62
61
21 (0.3 média de pontos por corrida)
4259
4 (0.1%)
0 (0%)
6 (9.7%)
2017 Australian Grand Prix
2021 Abu Dhabi Grand Prix

sobre Antonio Giovinazzi

Antonio Giovinazzi (born 14 December 1993) is an Italian racing driver. He was the 2015 FIA European Formula 3 Championship runner-up and raced with Prema in the 2016 International GP2 Series, finishing in second place with five wins and eight overall podiums. Giovinazzi has been chosen by Scuderia Ferrari as their FIA Formula 1 third and reserve driver for the 2017 season. He made his Formula One Grand Prix debut for Sauber at the 2017 Australian Grand Prix, replacing Pascal Wehrlein. He also replaced Wehrlein at the following Chinese Grand Prix as Wehrlein continued his recovery.


fonte: Wikipedia

temporadas

2017, 2019, 2020, 2021,

posições finais

posições de grade

vitórias

# evento F1 construtor

poles

# evento F1 construtor

equipes & companheiros de equipe

temporada companheiro de equipe
2017 Marcus Ericsson
Pascal Wehrlein
Sauber comparar 2017
2019 Kimi Räikkönen
Alfa Romeo comparar 2019
2020 Kimi Räikkönen
Alfa Romeo comparar 2020
2021 Kimi Räikkönen
Robert Kubica
Alfa Romeo comparar 2021

notícias

A briga pela vaga deixada pelo russo Nikita Mazepin na Haas pela Guerra na Ucrânia obteve mais protagonistas nos bastidores da Fórmula 1. Além do brasileiro Pietro Fittipaldi e do italiano Antonio Giovinazzi, dois ex-F1 ganham força: o dinamarquês Kevin Magnussen e o alemão Nico Hulkenberg.
O editor recomenda:

ANÁLISE: As inovações do novo carro da Red Bull para a F1 2022 além ...Continue lendo

leia

Antonio Giovinazzi é um dos principais candidatos à vaga deixada por Nikita Mazepin na Haas, tendo a competição do brasileiro Pietro Fittipaldi. E apesar da torcida brasileira a favor de Fittipaldi, alguns fatores fazem a ‘candidatura’ do italiano se destacarem, em particular o fato de já ter uma longa experiência na Fórmula 1, além do forte apoio da Ferrari.
Após a Alfa Romeo ...Continue lendo

leia

Em meio à briga pela vaga de titular da Haas na Fórmula 1, após a dispensa do russo Nikita Mazepin pelo time norte-americano, o brasileiro Pietro Fittipaldi enfrenta um obstáculo: a questão comercial, que passa diretamente pela falta de apoio financeiro de governo e empresas do Brasil.
O editor recomenda:

F1: Dono da Haas diz que Fittipaldi estará nos testes do Bahrein e que terá ...Continue lendo

leia

Atualizado às 18h20
A invasão da Rússia à Ucrânia e a consequente série de sanções contra empresas e governo russos fez com que a Uralkali, empresa de fertilizantes de propriedade de Dmitry Mazepin, deixasse o carro da Haas no último dia de testes da F1 na semana passada.
Leia também:

F1 anuncia rescisão de contrato com GP da Rússia; acordo era válido até ...Continue lendo

leia

A crise entre a Rússia e a Ucrânia colocou em risco a presença de Nikita Mazepin no início da temporada de Fórmula 1 de 2022. Durante os testes em Barcelona, a Haas prontamente tomou a decisão de remover do carro todas as referências ao patrocinador Uralkali e à bandeira russa, enquanto Mazepin continuou o trabalho planejado com a equipe, mas cancelou entrevistas.
Leia ...Continue lendo

leia

Pascal Picci, ex-presidente-executivo da Sauber relevou nesta semana os motivos por trás de seu pedido de demissão da marca, que mexeu com o paddock da Fórmula 1 em outubro deste ano. Segundo Picci, as diferenças de pensamento com o chefe da Alfa Romeo, Frédéric Vasseur, sobre a escolha dos pilotos da equipe para 2022 foram a gota d´água.
Picci era uma figura importante da Sauber nos ...Continue lendo

leia

Antonio Giovinazzi, que teve sua dispensa da Alfa Romeo em 2022 anunciada nesta terça-feira (16) criticou a Fórmula 1 como um esporte "implacável" quando o dinheiro fala. O italiano perdeu seu assento em 2022 para o piloto chinês Guanyu Zhou, que está saindo da Fórmula 2 para se tornar companheiro de equipe de Valtteri Bottas.
A promoção do jovem foi facilitada pelo apoio de ...Continue lendo

leia

Resta apenas uma peça para completar o grid de 2022 da Fórmula 1, e já sabemos quando que o mistério chegará ao fim. Frédéric Vasseur, chefe da Alfa Romeo, anunciou em uma entrevista ao Canal+ que a identidade do piloto será conhecida na próxima terça-feira, 16 de novembro. E segundo informações vindas da imprensa italiana, Antonio Giovnazzi já está fora da disputa.
No ...Continue lendo

leia

Em meio à indefinição sobre o segundo assento da Alfa Romeo, o italiano Antonio Giovinazzi admitiu estar sentindo pressão por ainda não ter um contrato para permanecer na Fórmula 1 em 2022.
Até o momento, o único piloto confirmado pela equipe para a próxima temporada é o finlandês Valtteri Bottas, que irá substituir o seu compatriota Kimi Raikkonen.
O segundo assento ...Continue lendo

leia

A Alfa Romeo não descartou a possibilidade de substituir seus dois pilotos Kimi Raikkonen e Antonio Giovinazzi na temporada de 2022 da Fórmula 1.
Na esteira do novo acordo da Sauber com Alfa Romeo, o chefe Fred Vasseur recebeu carta branca para decidir quem ele quer na equipe em 2022.

Leia também:

F1: Pirelli acredita que alguns pilotos arriscarão pneus macios na ...Continue lendo

leia

Antonio Giovinazzi criticou Nikita Mazepin por demonstrar desrespeito pela 'etiqueta de classificação' da Fórmula 1 depois de um incidente no Q1 do GP da Emilia Romagna, em Ímola.
Enquanto os pilotos tentam dar espaço uns aos outros antes de começarem as voltas rápidas, Mazepin fez diferente: 'grudou' em Giovinazzi na reta principal e ultrapassou o piloto da Alfa ...Continue lendo

leia

Após um ano difícil de estreia na Alfa Romeo ao lado de Kimi Raikkonen em 2019, Antonio Giovinazzi melhorou sua campanha no segundo ano.
O italiano fez o suficiente para convencer a Ferrari, que escolhe um dos assentos da Alfa Romeo, a lhe conceder uma terceira temporada na equipe suíça. A escuderia italiana optou por colocar o campeão da Fórmula 2 Mick Schumacher na ...Continue lendo

leia

Antonio Giovinazzi reconheceu que não gostou nada de a Ferrari ter optado em chamar Carlos Sainz como substituto de Sebastian Vettel na temporada de 2021 da Fórmula 1. O italiano acreditava que teria uma oportunidade na escuderia de Maranello, mas a equipe preferiu um piloto estrangeiro.
Giovinazzi, apesar de ser titular da Alfa Romeo, é piloto reserva da Ferrari e suas ligações com a ...Continue lendo

leia

Após a especulação de que a Alfa Romeo poderia trocar um ou mais de seus pilotos, a equipe suíça confirmou no final de outubro que Kimi Raikkonen e Antonio Giovinazzi permaneceriam na equipe na temporada de 2021 na Fórmula 1.
Isso significa que 2021 será a terceira temporada consecutiva de Giovinazzi ao lado do campeão de 2007, quem o italiano considera um dos melhores do grid da ...Continue lendo

leia

O dia promete. Depois de um treino classificatório conturbado por causa da chuva, que se misturou com o óleo do recapeamento da pista de Istambul, as condições para o GP da Turquia de Fórmula 1 devem ser muito similares. E, com isso, já tivemos incidentes antes mesmo da largada de daqui a pouco.

Leia também:

Wolff: Mercedes não está "encurralada" nas negociações de ...Continue lendo

leia

...Continue lendo

leia

A semana da Fórmula 1 antes da chegada à Ímola foi movimentada, com mais três nomes confirmados no grid de 2021: Pierre Gasly na AlphaTauri e Kimi Raikkonen e Antonio Giovinazzi na Alfa Romeo. Com isso, o mercado começa a se fechar para o próximo ano, mas ainda há vagas interessantes em aberto.
Das dez equipes do grid, seis estão com suas duplas fechadas: Ferrari, McLaren, Renault, Alfa ...Continue lendo

leia

Mais duas vagas do grid da Fórmula 1 estão fechadas para o próximo ano. A Alfa Romeo confirmou nesta sexta (30) que Kimi Raikkonen e Antonio Giovinazzi seguirão sendo a dupla para equipe para 2021.
Anteriormente. o Motorsport.com havia revelado, antes do GP de Eifel, que o finlandês iria seguir na Alfa, mas a identidade de seu companheiro de equipe ainda não havia sido ...Continue lendo

leia

Neste fim de semana, a Fórmula 1 tem a disputa do GP da Itália no tradicionalíssimo circuito de Monza, ao norte de Milão. Por isso, alguns pilotos 'encomendaram' capacetes especiais para a etapa, a fim de 'homenagearem' a prova italiana.

O editor recomenda:

F1: FIA alerta pilotos sobre voltas de desaceleração após incidentes no TL1 em Monza
Pilotos da F1 discutirão ...Continue lendo

leia

O único safety car no GP da Bélgica aconteceu quando Antonio Giovinazzi e George Russell acabaram batendo. Uma das rodas da Alfa do piloto italiano saiu na batida, acertando o carro da Williams. E para o diretor de provas da Fórmula 1, Michael Masi, o fato da roda de Giovinazzi ter se soltado é uma "preocupação", e confirmou que lançou uma investigação para apurar.
A questão de rodas ...Continue lendo

leia

O GP da Bélgica de Fórmula 1 não foi tão agitado quanto as provas anteriores, mas teve um acidente importante no princípio da corrida deste domingo no tradicional circuito de Spa-Francorchamps.

Leia também:

F1: Russell se diz grato por segurança após impacto "assustador" com o pneu de Giovinazzi
Hamilton diz que ficou nervoso e temeu problemas de pneus como em ...Continue lendo

leia

Após um "impacto massivo" com a roda solta de Antonio Giovinazzi no GP da Bélgica de F1 deste domingo (30), George Russell sentiu-se "muito grato" por ter o halo (dispositivo de segurança que fica acima do cockpit) em sua Williams.
Giovinazzi bateu na saída da Les Fagnes na volta 10 da corrida, girando na barreira do lado direito da pista. O carro da Alfa Romeo saltou de volta para a linha ...Continue lendo

leia

Com a segunda metade do calendário 2020 da Fórmula 1 em aberto, a Itália pode chegar a um número recorde de 3 GPs em uma mesma temporada. Além do GP da Itália em Monza, o GP da Toscana em Mugello está próximo de ser confirmado e Ímola busca entrar no meio. Para o único italiano do grid, Antonio Giovinazzi, ter três provas em casa seria algo muito legal.
Segundo informações, Mugello ...Continue lendo

leia

O atual piloto da Alfa Romeo, Antonio Giovinazzi, é o membro mais recente da Academia da Ferrari a conseguir a evolução para a Fórmula 1, após estrear em 2019. E o italiano chegou a estar na lista de possibilidades para a cobiçada vaga de Sebastian Vettel na Scuderia, que acabou indo para Carlos Sainz. Mas o fato de não ter sido escolhido não deixa o italiano triste.
Giovinazzi disse ...Continue lendo

leia

Link to or share this page

compartilhe ou salve

Antonio Giovinazzi

Rede social


Copiar link

apenas clique no link e copie para usar o endereço em outros sites.